Como colocar um site na Internet?

Ter um site, hoje em dia, é quase que uma obrigatoriedade para qualquer empresa ou empreendimento, é até difícil imaginar qualquer negócio que não possua seu site próprio. Mesmo com a chegada das fanpages nas mídias sociais, o site ainda é a maior vitrine que seu negócio pode possuir.

Alguns podem imaginar que ter um site na Internet é algo muito complicado, difícil e caro mas, pelo contrário, é algo muito simples e relativamente barato. Para isso, existem algumas soluções que podemos adotar e, lembrando que, qualquer um pode possuir um site, tanto pessoa jurídica quanto pessoa física.

De acordo com as estatísticas do site Registro.br (responsável pela geração dos domínios brasileiros), existem atualmente, mais de 3.500.000 sites apenas com extensões .com.br! Isso demonstra um grande interesse dos brasileiros em manterem uma visibilidade digital, e tais sites possuem todo o tipo de finalidade.

Mas como posso ter um site na Internet? A resposta é muito simples, mas como foi dito, existem algumas soluções:

  • Vamos partir do ponto onde você já possui, pelo menos, um esboço do site pronto no seu computador. Para isso, existem ferramentas diversas, o próprio WordPress é uma ferramenta excelente para construção de blogs, páginas institucionais, etc e tal. (Podemos falar sobre isso em outro post).

Solução 1 (mais simples mas não necessariamente mais barata):
– Entre em contato com alguma empresa que possa desenvolver o seu site e deixe nas mãos deles. Ele poderão lhe cobrar pelo desenvolvimento e hospedagem do site, além de manutenção.

Solução 2 (mais personalizada, dá muito mais trabalho mas pode ser mais barato):

  • Passo 1: registrar o seu domínio
    – Agora, vamos registrar o seu domínio (endereço do site). Abra o site registro.br e pesquise o nome do endereço (para ver se ele já não existe).

Tela do site Registro.br

 

– Se o endereço que você deseja obter já estiver registrado, observe as opções que o próprio site lhe dá, caso nenhuma delas seja interessante, o jeito é procurar outro nome.

– Achou um nome legal e ele está disponível? Ótimo, agora, faça seu cadastro no site Registro.br e acesse sua conta.

– Logado em sua conta, pesquise novamente o endereço, confira se ele está disponível para registro e clique no botão “Registrar”!

  • Só um detalhe, antes de clicar no botão, veja que o valor anual do domínio é de R$ 40,00 que você pode pagar com boleto ou cartão. Só após a confirmação de pagamento ocorrer, é que esse domínio será seu. Se quiser, você pode comprar seu domínio e pagar por mais tempo, basta clicar em “outros valores”.

 

 

 

  • Passo 2: definir onde hospedar seu site:

– Essa é a parte mais “chata”, onde hospedar o seu site? Imagine que você está em uma viagem e necessita descansar em um hotel em uma cidade com várias opções. É a mesma situação. Seu site, todos os arquivos dele, necessitam estar hospedados em algum lugar, daí não tem jeito, o negócio é pesquisar no Google mesmo, por exemplo, “hospedagem de site” e verificar aquele que lhe oferece melhores condições de espaço, tráfego de dados, contas de email, banco de dados e claro, o preço que pode variar bastante e pode ser pago mensalmente, por bimestre ou até mesmo anualmente. Algumas hospedagens são famosas tais como Uol Host, LocalWeb, KingHost, mas existem vários (isso dá até outro post).

– O que você precisa analisar basicamente?

  • Espaço em disco: significa o espaço que você terá para armazenar os seus arquivos;
  • Tráfego: significa o espaço que você terá para as informações trafegarem, ou seja, durante o mês, tudo o que for carregado no site gerará tráfego, para isso é necessário espaço;
  • Contas de email: algumas hospedagens ou planos, permitem contas ilimitadas outros não, analisar qual o mais vantajoso dependerá do seu perfil;
  • Banco de dados: mesma coisa de contas de email, ilimitado ou não, depende do que você fará com seu site. Se seu site for um blog com WordPress, você precisará apenas de 1 banco de dados, se instalar, por exemplo, um Moodle, mais 1 banco de dados, se for um site de vendas, precisará de outro banco de dados e assim por diante.

Bem, definida hospedagem, daí basta fazer o cadastro, escolher o melhor plano, pagar (lógico) e aguardar a liberação. Nessa liberação, normalmente, você receberá um email contendo todas as configurações e informações sobre como “linkar”, ligar seu domínio do Registro.br à sua hospedagem.

A partir daí, só acessar o CPANEL (Painel de Controle) da hospedagem do seu site, fazer o upload dos arquivos que você tem no seu computador ou ainda, utilizar a ferramenta de construção de site da própria hospedagem e “voilà”, seu site está na Internet.

Cpanel

Painel de Controle do site

 

Opinião pessoal: esse artigo, explica superficialmente como ter um site na Internet, lógico que há muitos outros detalhes a serem considerados, como por exemplo a sua experiência em construção de sites, seu tempo hábil para dedicar-se a esse trabalho, etc e tal. Mas,  como é possível notar, fora a questão de desenvolvimento, o resto é muito tranquilo, basicamente é criar um domínio e hospedar. Entretanto, justamente a questão do desenvolvimento é que torna tudo mais complicado. Meu site eu fiz tudo sozinho, portanto, segui a solução 2, mas se você é “marinheiro de primeira viagem”, talvez a solução 1 seja mais apropriada, até porque você terá uma assistência, um suporte para tirar todas as suas dúvidas.

E você, já se aventurou a possuir um site? Um blog? Uma venda online? Fez tudo por conta própria ou buscou auxílio de uma agência? Comente sua experiência!

 

 

Filipe César

Fã de tecnologia, jogos (principalmente Fifa), filmes e séries. Com pós em Mídias Digitais e EAD. Criou o CoisasTech pelo desejo de compartilhar informações que lhe interessa com outras pessoas.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *